Cello Encounter reúne solistas nacionais e internacionais em Volta Redonda

Esse é o maior festival de violoncelos do país com apresentações gratuitas na

cidade com grandes nomes do cenário musical

Aconteceu nesta sexta-feira, dia 9, mais uma apresentação de solistas do 25°
Rio Internacional Cello Encounter. O evento é o maior festival de violoncelos do
país. Completando 25 anos, os músicos fizeram apresentações da Orquestra
de Cordas de Volta Redonda, com a presença de grandes nomes nacionais e
internacionais do cenário musical.
“O Cello Encounter em Volta Redonda representa muito mais do que a
realização de concertos para o público em geral, é o momento onde
nossos músicos absorvem dos professores convidados suas
experiências e novos conceitos que abrangem a área técnica-musical no
mundo”, explicou a maestrina Sarah Higino, que fez a regência da Orquestra
de Cordas.
Sarah explicou ainda que durante esses três dias de concerto, a intenção é
levar para as pessoas um estilo musical que dá para ser apreciado e
respeitado. “Esta parceria musical foi consolidada há vários anos em Volta
Redonda, dado o interesse do criador do festival promover o encontro de
gerações entre os professores convidados e os jovens músicos da
Orquestra de Cordas do projeto, para juntos fazerem música de
excelência”, acrescentou.
Neste ano, o Rio International Cello Encounter homenageia Heitor Villa Lobos
(em 2019, completam-se 60 anos de sua morte), Led Zeppelin (50 anos de
carreira) e Clara Schumann (200 anos do nascimento da pianista e
compositora alemã).
O músico e especialista em viola, Russel Guyver, disse que toda vez que vem
a Volta Redonda, fica surpreso com a evolução dos estudantes. “As crianças
estão tendo contato com os melhores músicos do mundo de cada
especialidade, interagindo e tornando a ligação do Cello Encounter com a
escola, especial pelo aprendizado. Todo ano é legal ver o progresso
desses alunos e a dedicação que eles têm com a música”, disse Dave.
A aluna do projeto Cidade da Música Samira Silva, estava contente com sua
apresentação no Teatro Gacems e comentou. “Para nós é um grande
momento ter esses músicos internacionais tocando junto com a gente.
Nos sentimos confiantes e estamos muito felizes de participar desse
evento musical de peso representando a cidade”, afirmou.
Para o prefeito Samuca Silva, o festival será um grande momento para a
população festejar com música de excelência. “É um evento de nível
internacional e gratuito para todos. O projeto Volta Redonda Cidade da
Música já tem essa tradição de grandes espetáculos e mostra que a

música aliada à educação dá resultados positivos para nossa cidade”,
afirmou o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: