FEVRE recebe a exposição ‘Coreia: Cultura, Tecnologia e Inovação’

Trabalhos de fotografia estão abertos à visitação e celebram os 60 anos das relações diplomáticas entre a Coreia do Sul e o Brasil

A Fundação Educacional de Volta Redonda (FEVRE) vai receber até quinta-feira, dia 14, a exposição ‘Coreia: Cultura, Tecnologia e Inovação’, no Teatro Maestro Franklin de Carvalho, no Colégio Getúlio Vargas. A mostra, aberta ao público diariamente das 8h às 16h30, celebra o aniversário de 60 anos das Relações Diplomáticas entre a Coreia do Sul e o Brasil. O evento é uma realização da AsiaColors e do Consulado Geral da República da Coreia.

“É a primeira vez que a cidade de Volta Redonda recebe um evento como este abordando a cultura coreana. Será uma ótima experiência de aprendizagem para os nossos alunos. Essa exposição já esteve no começo do mês no Museu de Arte do Rio e estamos muito felizes em receber esse trabalho em nossa cidade”, explicou o prefeito Samuca Silva.

O Colégio Getúlio Vargas, juntamente com o Centro Federal de Educação Tecnológica (CEFET) Nova Friburgo e o Centro Cultural Correios (RJ), foi convidado a participar e representar a região Sul Fluminense na exposição itinerante, após um projeto ser desenvolvido sobre a cultura coreana em 2018 pelos alunos da unidade escolar.

“Este é um projeto da disciplina de Geografia, elaborado pela professora Elaine Nobre, que visava mostrar ao aluno a evolução tecnológica ocorrida na Coreia, evidenciando as possibilidades e oportunidades para os alunos em sua formação”, contou o presidente da Fundação Educacional de Volta Redonda, Waldyr Bedê.

Segundo a professora Elaine, a ideia foi abordar um assunto em que os alunos fossem protagonistas e a Coreia foi o tema escolhido. “O trabalho começou dentro de sala de aula e hoje estamos colhendo o fruto desta ação. Desenvolvemos um trabalho na exposição pedagógica onde os alunos que já gostavam da cultura coreana realizaram essa imersão no conhecimento de outra cultura. Eles foram protagonistas desta atividade, tudo dentro das normas da Base Nacional Curricular Comum (BNCC)”, disse. 

Além da exposição, os alunos puderam participar da palestra “Inovação da Tecnologia de Indústria Pesada”, com Marcos Túlio, representante da Hyundai Heavy Industries Brasil. Para as alunas Vitória Teixeira, Bárbara Lia e Mariana Couto, que idealizaram um projeto sobre a Coreia, a exposição é um marco.

“Estamos felizes pela oportunidade de conhecer mais da cultura coreana. Foi na aula de geografia que surgiu a ideia, nós já tínhamos uma identificação com o tema e gostávamos da Coreia. Ficamos felizes com o resultado e pelo fato de a escola ser escolhida para receber esse evento”, afirmaram as alunas.

A exposição é composta por fotos culturais, banners roll-up e arte em metalon, mostrando letras do alfabeto coreano, além de TVs com vídeos e experiências de realidade virtual com óculos especiais. As fotografias são sob as lentes do sul-coreano Song Kwang Chan e do brasileiro Bruno Costa.

De acordo com a diretora executiva da AsiaColors, Marcelle Torres, a realização de eventos como esse são de extrema importância nas escolas. “Queria agradecer a FEVRE e aos profissionais envolvidos pela realização deste evento e agradecer também a cada aluno que nos dá a oportunidade de conhecer um pouco sobre a Coreia e sua cultura. O evento começou no Rio de Janeiro, já passou por Nova Friburgo e agora está em Volta Redonda”, destacou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: