Prefeitura de Volta Redonda amplia distribuição de máscaras para população

Nesta quarta-feira, dia 22, as entregas aconteceram por nove pontos da cidade; moradores de condomínios do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’ também foram contemplados

A Prefeitura de Volta Redonda disponibilizou dez equipes para agilizar a entrega de máscaras para a população. Nesta quarta-feira, dia 22, técnicos de enfermagem da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) estiveram em nove pontos de maior movimentação na cidade e também iniciaram a distribuição nos condomínios do programa “Minha Casa, Minha Vida”, que têm grande número de moradores. As unidades do bairro São Sebastião foram as primeiras.

O trabalho começou às 8h na Avenida Amaral Peixoto, no Centro; passou pela Paulo de Frontin, no Aterrado; e também em pontos da Vila Santa Cecília, Retiro, São Luiz, Santo Agostinho, Santa Cruz, Siderlândia e Açude.

O prefeito Samuca Silva afirmou que o município recebeu doação de 45 mil máscaras da CSN (Companhia Siderúrgica Nacional) para serem distribuídas à população. “O equipamento é um grande aliado para conter a circulação do novo coronavírus e a contaminação pela Covid-19. E a partir da última semana, pelo decreto municipal 16.124, se torna obrigatório o uso de máscaras em ambientes públicos, fechados ou abertos, e também em estabelecimentos comerciais, conforme orientação do Ministério da Saúde”, lembrou Samuca.

O secretário municipal de Projetos Especiais e Captação de Recursos, Joselito Magalhães, responsável pela logística da distribuição das máscaras, explicou que as equipes ficam circulando pelos bairros, privilegiando locais próximos às agências bancárias, casas lotéricas, supermercados e farmácias, onde está o maior fluxo de pessoas. “A inexistência de um ponto fixo para distribuição evita aglomeração de pessoas, que é a principal recomendação em tempos de pandemia”, contou.

O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, ressaltou que os profissionais da saúde responsáveis para distribuição das máscaras também estão orientando a população sobre as principais medidas de combate ao novo coronavírus e entregando material educativo impresso. “O trabalho contínuo do poder público unido à conscientização da população é a única fórmula para vencer o novo coronavírus”, falou.

A máscara é um equipamento simples e eficiente, um grande aliado no combate à Covid-19. Quando utilizado corretamente, protege a própria pessoa e, principalmente, as que estão ao redor dela. As unidades doadas pela CSN são feitas de tecido em 100% algodão em cor branca e são reutilizáveis. Elas podem ser lavadas em solução com água e sabão. Cada embalagem, que é entregue lacrada, vem com uma máscara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: