Regina Contadora é condenada na Justiça eleitoral por propaganda irregular e ofensa a candidato

A candidata Regina Contadora (Republicanos), do Município de Quatis-RJ, foi condenada pela Justiça Eleitoral ao pagamento de multa no valor de R$ 5 mil. A sentença foi proferida pela Juíza Priscila Dickie Oddo da 183ª Zona Eleitoral de Porto Real-RJ. A ação foi movida pelo Partido Social Cristão (PSC), quando a então pré-candidata à Prefeita postou uma imagem na rede social Facebook de cunho eleitoral, fazendo menção pejorativa ao atual candidato à prefeito Aluísio D’Elias. 
A ofensa foi inicialmente reconhecida pela Juíza e pelo Ministério Público Eleitoral. A postagem de Regina Contadora pretendia persuadir os eleitores de que Aluísio D’Elias fosse condenado na Justiça, o que foi desmentido pela Certidão Negativa apresentada à Justiça Eleitoral.  Segundo a sentença, houve a ocorrência de propaganda extemporânea negativa quando há potencialidade de ofensa a um pretenso candidato, causando um desequilíbrio nas regras de disputa no pleito.
Regina Contadora tentou recorrer à 2ª Instância.  Por unanimidade, os Desembargadores do TRE-RJ decidiram pela permanência da multa. O TRE ainda destacou no acórdão que Regina não havia efetuado qualquer retratação em sua rede social com fins a buscar a reparação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: