Volta Redonda melhora e segue investindo na mobilidade urbana

randes intervenções no trânsito em pontos estratégicos foram elogiadas por moradores e novas obras serão entregues em breve

O trânsito e a mobilidade urbana da Volta Redonda vêm passando por grandes transformações nesses 900 dias de governo da nova gestão municipal. Muitas melhorias foram realizadas e muitas estão por vir. O fim de congestionamentos foi um dos benefícios que, por exemplo, os moradores do bairro Jardim Amália conquistaram após a implantação de mão inglesa na Rua Cel. Camilo de Assis Pereira, que passou a funcionar desta forma no trecho entre a rotatória da Praça Dona Santinha e a Rua Senador Alfredo Ellis.

“Moro aqui há 30 anos e faço transporte escolar no bairro há 33. Nos anos anteriores, antes da mudança da mão inglesa, tínhamos um engarrafamento muito grande em frente ao mercado na via principal de acesso ao bairro. Isso me atrasava muito, pois faço transporte escolar vindo da Vila para o Jardim Amália. Agora, o trânsito flui normalmente. Ajudou muito”, contou Jailton Luis Moraes e Silva.

A presidente da Associação de Moradores do Jardim Amália e Núcleo Princesa Isabel, Maria Aparecida de Souza Oliveira, compartilha da mesma opinião que Jailton, afirmando que a maioria dos moradores está satisfeita com a mudança no trânsito de acesso ao bairro.

“Não tem mais aquele congestionamento. Antes demorava um grande tempo para sair da Vila no horário de pico, engarrafava na Getúlio Vargas. Agora não tem mais isso. Os acidentes que aconteciam no cruzamento, praticamente acabaram. Acho que o objetivo com a mão inglesa foi alcançado”, citou Cida.

A fluidez do trânsito melhorou também para quem circula por outros bairros, principalmente nas regiões centrais. E uma das grandes mudanças que colaboraram para isso foi a inauguração da Rodovia do Contorno, que permitiu que aproximadamente 9 mil veículos pesados que circulavam por dentro da cidade.

Mais vagas de estacionamento melhoram a mobilidade urbana

A melhora no fluxo de veículos é fruto também de outras intervenções como a criação de mais vagas de estacionamento na cidade, De acordo com a Secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana de Volta Redonda (STMU), o município já criou quase 300 novas vagas.

Um dos pontos beneficiados foi a Rua 33, na Vila Santa Cecília. Para o representante comercial Rildo Assunção, que costuma sempre passar pela via, melhorou muito a mudança de lado das vagas e a criação de novos espaços.

“O estacionamento ficou ótimo. Quando chego por volta das 7h, 7h30, tem vaga, tudo organizado. Acho que melhorou bem. Quando o espaço era do outro lado, se perdia muito estacionamento. Além de parada de ônibus, era saída do pessoal das lojas. Aqui tem mais vagas. Foi uma tacada bacana que a prefeitura fez”, afirmou.

Os comerciantes da região também elogiaram a intervenção na Rua 33. O proprietário de uma ótica na via desde 2003, Manoel da Costa Brasil, explicou que as vendas aumentaram substancialmente, por conta do aumento no número de pessoas circulando na região.

“O varejo precisa de circulação de pessoas. Se não, fica mais difícil de acontecerem as vendas. Foi uma decisão simples, econômica e com um resultado de imediato. Foi extremamente positivo, não só para os comerciantes da região como também em termos de mobilidade urbana”, comentou.

O secretário municipal de Transporte e Mobilidade Urbana, Maurício Batista, explicou que a Vila Santa Cecília foi o bairro que mais recebeu novas vagas por ser uma região com grande circulação de veículos e um dos grandes centros comerciais da cidade.

“Criamos mais de 150 vagas. Além disso, melhorou a fluidez do trânsito na Rua 33. Na Vila, o comércio estava enfraquecido, porque não tinha onde parar. Todas as intervenções são feitas com base em estudos técnicos do tráfego e em estatísticas da Guarda Municipal”, frisou Maurício, lembrando ainda que a municipalização do trecho da BR-393 também permitiu a criação de mais vagas no município.

A STMU promoveu ainda diversas outras intervenções como a revitalização em pontos estratégicos. Neste ano, essas ações já aconteceram nos seguintes bairros: Água Limpa, Três Poços, São Cristóvão, Jardim Ponte Alta, Siderlândia, Santa Cruz, Santa Rita do Zarur, Eucaliptal, Rua 4 (Conforto), Siderópolis, Casa de Pedra, Dom Bosco, Vila Santa Cecília, Aterrado, São Lucas, 249 e Jardim Amália.

Rotatória na entrada do Jardim Belvedere deve inaugurar neste mês

Em fase final de construção em parcialmente liberada, a rotatória que está sendo implantada na Rodovia dos Metalúrgicos, logo após a entrada do bairro Jardim Belvedere, será a próxima grande intervenção que visa melhorar a mobilidade urbana em um ponto importante do trânsito do município. O secretário Maurício Batista informou que a rotatória foi aberta ao tráfego parcialmente, para permitir o término das obras, e que até o final do mês deve estar totalmente liberada.

“Existe uma curva muito perigosa depois do shopping. Com a rotatória, vamos resolver o problema inclusive do condomínio Vivendas do Lago, onde costumam ocorrer alguns acidentes. O retorno será feito pela rotatória, eliminando vários pontos críticos, além de melhorar a fluidez do trânsito. Estamos na reta final”, afirmou o secretário, acrescentando a ampliação de pistas na rodovia, nas proximidades do novo shopping.

“Todo mundo achou que quando inaugurasse o shopping, seria um caos, porque já havia engarrafamento antes. Com muita conversa, conseguimos de uma pista fazer quatro. Quem passa ali hoje não pega mais engarrafamento”, afirmou.

O prefeito Samuca Silva ressaltou a importância de todas as intervenções, sejam pequenas ou grandes, que vêm melhorando a mobilidade urbana em Volta Redonda. Para Samuca Silva, o envolvimento e a participação de toda a sociedade nas decisões sobre o quê deve ser feito em relação à mobilidade colaboram para que a cidade cresça cada vez mais.

“Abrimos o diálogo direto com as associações de moradores para que nos apontem as necessidades, incluindo as referentes ao trânsito. Temos também o Plano Diretor que vai nortear os investimentos nessa área a longo prazo”, citou Samuca, lembrando ainda de outras conquistas.

“Implementamos o Tarifa Comercial Zero, que melhora a mobilidade entre os principais centros comerciais, estamos preparando licitação para melhorar algumas linhas de ônibus do município. Está em aberto o chamamento público para que empresas possam operar o sistema de bicicletas compartilhadas. Os investimentos estão sendo feitos e não param por aí”, concluiu o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: